terça-feira, 30 de junho de 2009

Estremoz em debate - Pensamento do dia


"É o sentimento que caracteriza a falta de humildade. É comum conotar a pessoa que apresenta este sentimento como alguém que não deseja ouvir os outros, aprender algo de que não saiba ou sentir-se ao mesmo nível do seu próximo. São sinônimos, o orgulho excessivo, a soberba, a altivez, o excesso de vaidade pelo próprio saber ou o sucesso."

In Wikipédia

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Estremoz em debate - Apenas eu

Alguns interrogaram-me sobre este meu silêncio, outros se estava a sofrer pressões, enfim, uma série de questões sobre esta minha pequena pausa em que fui dando alguma musica ao pessoal, para alem de uma pequena dedicatória aos meus familiares.
Bem passo a explicar esta pausa.
Todos temos os nossos melhores e os piores momentos da vida e, muitas vezes temos de optar em termos de escolha e também chega o momento de dizer não e esse não muitas das vezes tem um sentido que só nós mesmo, entendemos.
Disse não a muitas situações e disse sim a outras, o manter o blogue é uma delas embora o esteja a repensar, pois, tem estado um pouco caro para as minhas possibilidades financeiras.
Existe quem não perceba que dar a cara numa publicação deste tipo e visível por todo o mundo, é sinonimo de retaliações no mínimo caricatas num País democrático. Depois falamos do Irão e da sua falta de liberdade de manifestação, por isso é que me estou a lembrar dos secos e molhados da PSP ou dos Sargentos da Armada presos ( mais bonito detidos) por se manifestarem, somos um País com democracia e liberdade de manifestação.
Dou razão e apoio a existência de blogues anónimos, que, embora não tenham a coragem ou o interesse em dar o nome, vão dizendo verdades a rir, o que não podem fazer os que dão a cara.
A democracia em Portugal está cada vez mais privatizada, lembrando o significado de Demo - Poder, Cracia - Povo, cada vez mais podemos dizer que este povo desacreditou dos políticos Portugueses e assim vemos a nossa democracia com índices de abstenção na casa dos 65% ao contrario de Países anti democráticos como o Irão, com 80 % de votantes e depois as eleições não são democráticas! Mas, pelo menos votam e expressam a sua opinião.
Em Portugal, um País livre e democrático, a liberdade de expressão vai sendo um bem escasso.
Vou procurar de alguma forma alhear-me de escrever sobre Estremoz, quando o julgue conveniente, escreverei.
Embora sendo a minha terra natal e onde vivo.
Agora fico por aqui.

segunda-feira, 22 de junho de 2009

domingo, 21 de junho de 2009

Uma homenagem às origens

Uma homenagem às minhas origens paternas, à minha tia e aos meus primos maternos.

"Ainda sinto os pés no terreiro
Que os meus avós bailavam o pézinho
É que nas veias corre-me basalto negro
E na lembrança vulcões e terramotos
-
Por isso é que eu sou das ilhas de bruma
Onde as gaivotas vão beijar a terra
-
Se no falar trago a dolência das ondas
O olhar é a doçura das lagoas
É que trago a ternura das hortênsias
E no coração a ardência das caldeiras
-

Por isso é que eu sou das ilhas de bruma
Onde as gaivotas vão beijar a terra
-

Trago o roxo a saudade esta amargura
E só o vento me ecoa na lonjura
Mas trago o mar imenso no meu peito
E tanto verde a indicar- me a esperança
-
Por isso é que eu sou das ilhas de bruma
Onde as gaivotas vão beijar a terra

-

É que nas veias corre-me basalto negro
No coração a ardência das caldeiras
O mar imenso me enche a alma
E tenho verde, tanto verde a indicar-me a esperança
-

Por isso é que eu sou das ilhas de bruma
Onde as gaivotas vão beijar a terra"

Letra de Manuel Medeiros Ferreira

Obama e a mosca

Ora aí está uma forma de fugir ao essencial e às questões de fundo e poderíamos dizer que o relevante na entrevista foi mesmo o assassinato da mosca ao vivo. Uma boa forma dos nossos políticos aprenderem como fugir às questões se bem que, arranjem outras formas de se distrair e nos distrair do essencial.

sábado, 20 de junho de 2009

Litha – o ritual do Deus Sol…


Assim se designa no hemisfério norte as comemorações do dia 21 Junho e primeiro dia de Verão sendo o dia mais longo em termos de radiação solar. Este dia è associado ao poder supremo da luz sobre a escuridão. Em certos Países é considerado um como um espaço temporal de magia na continuidade da vida.

"Muitos dos círculos de pedra, como o Stonehenge, e dos monumentos pré-célticos estão alinhados com o nascer do Sol."

Nascer do Sol sobre Stonehenge na manhã do solstício de verão (21 de junho de 2005).

"Os antigos Povos da Europa acreditam que, nessa noite, criaturas mágicas andam correndo pelos campos e florestas e poderiam facilmente ser vistos e contactados."

Estamos no Verão, será bom pensar que a radiação solar causa cancros de pele e como tal a exposição à mesma deve ser cuidada evitando-a no período entre as 12 horas e as 15 horas e nos outros horários acautelar a protecção com um bom protector solar e roupas leves.

Uns dias de alegria na praia não compensam uma vida de sofrimento.


Extractos e imagem Wikipédia

quinta-feira, 18 de junho de 2009

E o autor da música da senha 1, deixou-nos...

Mais um dos ícones da Música Portuguesa que que parte, o Maestro José Calvário deixo aqui este tema que foi Senha 1 da Revolução dos Cravos, 25 de Abril de 1974. E Depois do Adeus, Interprete Paulo de Carvalho, Letra -- José Niza, Música -- José Calvário. Quis saber quem sou, O que faço aqui, Quem me abandonou, De quem ...


sábado, 13 de junho de 2009

Estremoz - Não é excepção

Esta madrugada os nossos Bombeiros Voluntários foram as parteiras a bordo de uma das suas ambulâncias quando procediam ao transporte de uma senhora em trabalho de parto. Assim temos mais uma criança a nascida nas nossas estradas quando se vão encerrando as Maternidades por este País.
Estão de Parabéns os BVE por um trabalho que não é usual fazerem e que foi coroado de êxito com a chegada da mãe e do recem nascido ao HDE de boa saúde.

imagem alterada extraída de " O Banheirense"
Resposta a Tiago Martins
Ao Tiago e para ver se a gente se entende não vale a pena vires para aqui a ofender eu apenas satirizei uma noticia que foi difundida pela LUSA. Para tua informação eu nasci na maternidade em Estremoz, mas, quando foi da criação do Serviço Nacional de Saúde a Maternidade de Estremoz fechou, nessa altura se calhar ainda os teus pais nem planeavam que cá estivesses. Sempre houve depois do fecho da maternidade de Estremoz, partos assistidos em ambulâncias quer da Unidade de Socorro onde pertenço quer dos bombeiros e isso não está em causa, porque a maioria dos voluntários das duas unidades de transporte e assistência a doentes têm formação nessa área, daí não estar muito preocupado.A boca em relação ao fecho das maternidades como se deve entender será em relação à deslocalização do serviço prestado pelo Estado Português para a alçada do Estado Espanhol, portanto, estaria a referir-me a Elvas.
Um conselho final se insistires em ofender-me agradeço que nem para aqui escrevas e uma coisa, tenta ver as coisas satiricamente e não leves a politica tão a sério como tenho reparado que fazes em tudo o que coloco e, se não gostas do blogue faz um favor a ti mesmo não venhas cá.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Estremoz - Entidades e blogues

"Eu, não leio blogues, nem perco tempo com isso."
No entanto quem normalmente diz este tipo de frase sabe tudo o que se passa na blogosfera local pois, alguém se encarrega de lhe fazer chegar o que dizem os blogues locais.
Hoje em dia em alguns sectores de actividade sócio-económica, os blogues estão bloqueados ao nível do acesso dos seus utilizadores em rede, bloqueando muitas das vezes os blogues com alguns anos dos próprios serviços.


Não tenho intenções de mudar o blogue para a wordpress e se olharmos para os gráficos depois de dia 8, não seria significativa as suas incursões neste espaço nem se notou a sua falta.
Quanto ao Estremoz em debate, quem cá quer vir, vêm, seja de casa, do trabalho, do cibercafé, do ponto wirless ou de muito bem entenderem.

Aproveito também para agradecer aos 168.000 visitantes que por aqui passaram.

Borba - cidade

O Distrito de Évora conta a partir de hoje com mais uma cidade desde as 12:20 horas, tendo o projecto de lei da elevação a cidade sido aprovado por unanimidade.
Quando se fala em extinguir freguesias, criam-se cidades com limites populacionais inferiores ao estipulado. Vamos lá a perceber porquê.

Estremoz em debate - com novo link

Por motivos óbvios o Estremoz em debate passa a estar também no seguinte domínio
http://www.estremozdebate.tk/

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Não percebo certos visitantes

Há vezes que sinceramente não percebo o que se passa em Estremoz com alguns visitantes dos blogues da nossa praça.
Se paramos para fazer qualquer coisa no blogue é porque paramos, se não gostam da matriz escolhida é porque está uma M.... , enfim chama-se a isso criticar.
Um facto é que quem apelida este blogue de M e ao mesmo tempo vai ofendendo o editor continua cá a vir mais que não seja para lamber a que por cá se vai fazendo.
Este template que estou a utilizar até mantém as formas originais do mesmo não tendo sofrido quaisquer alterações logo se quer dizer que está o que me tem mandado dizer bom remédio diga a um dos criadores de templates da Blogger o que pretende.
No entanto até o consideraria um pouco mais homenzinho se tivesse a coragem, a ousadia e o desplante de criar um blogue e fazer o mesmo que eu assinar a autoria do mesmo.
Sabe que de má educação está o mundo cheio mas você ainda não deve ter descoberto uma das mais elementares regras do civismo que será a de assumir aquilo que escreve.
Outro problema parece ter tido é que até ao dia das eleições para o P.E. esteve sossegado e nesse dia cerca das 21 horas desatou a implicar com este blogue será que teve a ver com o resultado das eleições?
Se foi por isso certo será que não irei aqui divulgar publicamente em quem votei mas digo uma coisa, fiquei contente com o resultado final.
Agora peço apenas para ofender não vale a pena escrever comentários que nunca serão publicados, se quiser escrever como as pessoas escreva, mas assim não vale a pena estar a perder tempo a não ser para me chatear a ler o que escreve.

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Será ?

Um candeeiro de iluminação pública ou uma laranjeira?
Enfim, poderio...

10 de Junho

O 10 de Junho de acordo com a história dos feriados, ocorre em Portugal inicialmente como Feriado Municipal de Lisboa, dedicado a evocar a morte do poeta Português Luís Vaz de Camões.
Foi criado na sequência de um decreto de 12 de Junho de 1911, que autorizava os concelhos a escolherem um feriado além dos Feriados Nacionais decretados em Outubro de 1910: 1 de Janeiro, 31 de Janeiro, 5 de Outubro, 1 de Dezembro e 25 de Dezembro.
O Estado Novo, apropriou-se deste dia corria o ano de 1933 passando-o a Feriado Nacional pela mão de António de Oliveira Salazar, sendo do dia de excelência para o regime então vigente com o propósito da propaganda e apelidado de Dia de Camões e de Portugal.
Em 1944 durante a inauguração do Estádio Nacional no Jamor, assume uma nova denominação:
Dia de Camões, de Portugal e da Raça.
Este dia, passou a ser visto nos anos sessenta do século XX como um dia de homenagem aos militares em expedição pelas Colónias Portuguesas no Ultramar, servindo de exaltação ao poder Colonial Português e do reforço dos ideaís de guerra.
Em 1978, o seu nome foi de novo reconvertido para a denominação actual: Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.
E como falamos deste dia importante, recordo que dentro de 9 dias a Bandeira Nacional, faz anos. Concebida por Columbano, João Chagas e Abel Botelho, foi adoptada pelo regime revolucionário de 5 de Outubro de 1910. De acordo com o decreto-lei de 19 de Junho de 1911, a bandeira tem as cores verde (dois quintos) e vermelha (três quintos), com o escudo de armas na linha divisória.
Fontes:
Wikipédia
Perspectiva de Conceição Meireles
Organização das Nações Unidas

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Estremoz - serra d'Ossa a arder

Hoje publico algumas imagens do fogo de 2006 na serra d'Ossa, uma ideia do que foi o inferno que se viveu há uns anos e, que hoje regressou pelas 13:40 numa zona de eucaliptal junto à freguesia de Glória.

E vamos a votos no Domingo

Este será o modelo de boletim de voto para as eleições europeias a decorrerem no próximo Domingo dia 7 de Junho.
Eu já me decidi por quem vou votar como será lógico não faço intenções de revelar o meu sentido de voto mas num dos primeiros três é.
Uma critica geral que faço a todos os intervenientes nesta ultima campanha eleitoral e que deve ser a pergunta que todos os Portugueses fazem:
Falaram de como iriam defender os interesses dos Portugueses na comunidade Europeia?
Também tenho uma resposta!
Muito pouco, falou-se de temas em jeito de antecipar as legislativas que vêm no seguimento do período de férias e como tal falou-se em bancos, em calotes, em candidaturas para as autarquias, menos no essencial que era os nossos problemas reais em áreas como as pescas, a agricultura, o desemprego, esses sim problemas reais que têm de ser debatidos ou estamos na contigência de voltar a ver deitar LEITE para o Oceano Atlântico porque excedemos as quotas e, com tanta fome que há no mundo onde se poderia fazer a diferença.
Daqui deixo a minha proposta aos candidatos ao Parlamento Europeu:
Proponham em sede de P.E. que seja criada uma directiva que os Estados Membros em caso de excedentes nas suas produções em vez de os mandarem destruir os adquiram aos produtores e os enviem para os Países com carências alimentares.

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Estemoz em debate e a sondagem relançada

Tendo estado atento às votações verificou-se nas ultimas horas uma nova situação que não estava a acontecer quando os votantes eram somente oriundos de Portugal, uma determinada força parece ter simpatias de outros Países como se mostra na imagem.
Um facto é que este blogue é visitado por todos os continentes.

Mas os votos só surgem numa força politica, enquanto os outros candidatos só tem subido na votação Nacional. Bem como estamos em altura de Europeias é provável que esse partido seja o preferido e até se percebe, aqui fica o quadro das 15 horas.

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Em termos de água - Estremoz necessita

Este foi o resultado da questão da água colocada no ED
O Estremoz em debate decidiu fazer alguns testes ao sistema de votações on-line penso ter encontrado um sistema mais fidedigno que o da google que estava a utilizar.
Espero que a votação que estou a recolocar no blogue desta vez não seja enganada por votações maciças em A ou B por parte de um computador.
Assim poderíamos ficar com uma opinião mais clara da intenção de voto dos cibernautas Estremocenses.

As eleições europeias vistas pelo editor


Há dias que ando a pensar qual será o meu sentido de voto nestas eleições e agora que estou livre da carneirice estou um pouco confuso.

Como será lógico, na CDU o meu voto não irá cair no entanto não é que a sua candidata mereça a minha desconfiança pois sempre foi uma defensora por aqueles lados da integridade e defesa dos direitos da nação Portuguesa.

O AVÔ CANTIGAS esse de certo não me levam voto. Não percebo porque é que José Sócrates com um Santos Silva a malhar à esquerda e à direita, um Mário Lino a chamar camelos aos habitantes da margem sul, vá escolher um velho militante do PCP e pai da constituição Portuguesa para seu candidato ( confesso aqui uma coisa que me daria aquilo que seria o verdadeiro êxtase politico era fazer uma viagem Porto - Estremoz com o novo Camarada Vital e Manuel Pinho sem a companhia de Sócrates) para me poder rir com os contrasensos de opinião.

Votar em Nuno Melo seria mesmo contra todos os princípios logo excluída essa hipótese.

Resta-me de entre os partidos com assento no P.E. um Candidato que pela sua postura, forma como tem agido perante as incongruências dos seus adversários e o nível de campanha que tem apresentado merece a minha consideração e apoio estou a falar de Paulo Rangel um homem que tem apenas falado de EUROPA e é isso que se está aqui a debater ao contrario de outros candidatos que trouxeram para esta campanha casos como o BPN e até hoje nem deste Partido ou deste candidato ouvi a palavra FREEPORT de Alcochete que poderia ser incómodo ao poder instituído.

Estará talvez o meu pai debaixo de sete palmos de terra às voltas por esta minha opinião mas uma coisa é certa eu decidi para estas eleições apoiar ou Paulo Rangel ou o Bloco de Esquerda, Miguel Portas, em principio o meu voto poderá ir lá parar por motivos bastante óbvios, até porque revejo aqui a minha velha paixão da UDP e, esse será o meu sentido se voto entre estes dois candidatos no entanto vou ver como segue a campanha até dia 5 de Junho.

Mostro assim o cartão vermelho que outro partido levantou a esta governação mas como esse partido não reúne as condições necessárias para esse cartão vermelho, então que seja dado com o cartão laranja ou um Vermelho estrelado para baixar a crista aos malhadores.