quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Évoramonte foi notícia

O Diário do Sul, na sua edição de hoje alerta para os cortes frequentes de energia eléctrica ( cerca de 4 por semana ) por parte do fornecedor Português, situação esta, que se agrava quando chove e as interrupções do fornecimento são mais prolongadas, segundo revelou, o Presidente da Junta de Freguesia de Evoramonte.
A população de Evoramonte está queixosa da EDP, devido aos transtornos causados pela falta de energia e pelo danificar de equipamentos eléctricos de que são vitimas constantemente.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Estremoz em obras

As obras não vão ser na cidade, mas sim no Estremoz em debate.
Vou remodelar a página até ao dia 1 de Janeiro, se algum link ou outra situação não funcionar, desde já as nossas desculpas. Em 1 de Janeiro está operacional assim contamos.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

7 Maravilhas ESTRAGADAS de Estremoz

Este blog, vai proceder a uma votação, para as sete maravilhas ESTRAGADAS de Estremoz. Estamos abertos a propostas que têm de reunir algumas condições:
1ª - estar quase a cair
2ª - ter caído
3ª - em mau estado
4ª - ser propriedade do estado ou particular
5ª - (IN)Acessível a deficientes
enfim estar mesmo a precisar de uma intervenção.
Aceitam-se propostas, pensamos dar inicio em o1 de Janeiro 2008 com as nomeações.
Deixo aqui desde já alguns nomeados

Casa da Câmara - Centro Histórico
Edifício em derrocada - Largo Espírito Santo
Edifício quase em derrocada - Luís Campos junto ao Lago do Gadanha
Sanitários do Rossio Marquês de Pombal
Sanitários do Jardim
Parque Infantil Portas de Santa Catarina
Acessos à tesouraria da Câmara
Acessos aos Correios
Acessos às passadeiras
Acessos ao Museu Municipal

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Ambientalistas, ecologistas e outros...

Muitas vezes, somos confrontados com o reaparecimento nos telejornais de noticias, envolvendo acções de defensores do Ambiente e da Vida. O que pretendo referenciar é: a pesca, a agricultura, as minas, os transportes marítimos, a energia, as rodovias, as empresas aeronáuticas, as telecomunicações, etc. Estes senhores, encapotados em defensores do ambiente e das condições de vida, muitas das vezes chegam a ser ridículos pois, exigem o impossível numa sociedade de consumo, que cada vez mais se baseia nos média e nas novas tecnologias para subsistir, mas também, estes senhores necessitam desses meios para se fazerem ouvir. Senão vejamos: Usam telemóvel, segundo eles nocivo para a saúde. Então porque o usam? Utilizam as imagens de televisão para fazerem chegar a sua mensagem, aqui utilizam o espectro radio eléctrico, que segundo alguns também faz mal. Utilizam automóveis, barcos, aviões e outros meios de transporte poluentes que causam prejuízo à camada de ozono, mas não se inibem de utilizar os mesmos, para protegerem o ambiente que tanto prezam. Dizimam colheitas de cereais, no entanto gostam de pipocas. Interferem no normal decurso do desenvolvimento estrutural do interior do País, por exemplo em Estremoz no caso da variante ao IP2, talvez porque, a estrada passaria junto ao monte de ferias adquirido há alguns anos. Aqui estaria o bem estar de um, justificado com meia dúzia de sobreiros e oliveiras, que não poderiam ser abatidos ao efectivo florestal, no entanto, revemos o Alqueva e quantos milhares de árvores foram abatidas, em prol do interesse Nacional. Aqui, mais que não fosse, servia para desviar o transito das proximidade de três escolas, um Centro de Saúde, um Centro Social que serve população jovem e idosa, um Centro de Saúde e um Centro de Emprego, um Complexo Desportivo, um parque Infantil e Sénior. Não gostaria de um dia escutar na nossa radio, que um familiar destes senhores, apanhado pelo destino o tenha obrigado a chorar por algum ente querido lamentavelmente morto, pela sua irredutibilidade em aceitar um traçado, onde já foram investidos alguns milhares de Euros dos nossos impostos.
Gostaria de comentar também a atitude do Greenpeace, ao bloquear o Conselho de Ministros da UE por causa das quotas de pesca, estes senhores ainda não repararam que a nossa frota pesqueira, deve estar neste momento reduzida a 25% do que era à entrada para a UE e isso, muito por culpa das quotas pesqueiras. Como deu a entender o ministro Jaime Silva, por este andar e por vontade destes senhores, qualquer dia não comemos, ideia com a qual estou solidário, pois se continuamos a dar ouvidos a este tipo de associações, qualquer dia não temos bens alimentares, sem estar a incorrer num crime contra a natureza. No entanto é agradável ver, quando alguns ambientalistas se sentam numa marisqueira, a refastelarem-se com uma Lagosta suada, que minutos antes estava viva.
O ser humano, é o maior predador no nosso ecossistema e para se alimentar, mata! Seja um vegetal ou um animal, é condição vital que destrua outra vida para subsistir. Como se alimentam estes senhores? Será que se alimentam do ar? Penso que não. Então necessitam que alguém mate, para eles poderem subsistir. Deixem-se de puritanismos e permitam que se viva melhor e com mais condições de vida, aproveitem o dinheiro que gastam neste tipo de acções, para o aplicar no transporte de excedentes alimentares para os países subdesenvolvidos, em vez de estarem a contribuir para o buraco de ozono.

sábado, 15 de dezembro de 2007

Continuando com Jorge de Sena - Ode ao Surrealismo por Conta Alheia

Um comentário, a um novo blog da nossa praça, todos sabemos que não gosta deste poeta então lá vai mais um poema.

Que levas ao colo,
embrulhado em sarrafaçais transcritos mau olhado
abomináveis trutas e outros preconceitos?
Um sacerdote? Um gato? A timidez?

Que transportas silencioso, imóvel, como dormindo, no xaile
pespontado a verde com que limpas o suor, o sêmen, as fezes,
tudo o que abandonas, ofereces, vendes, expulsas, injetas,
convocas, reprovas, descreves, etc.?
Embalas e não respondes.
Temes a polícia, os tapetes, o capacho, o telefone, as campainhas
de porta, as pessoas paradas pelas esquinas reparando
em por de baixo das roupas das outras que passam?
Temes as palavras?
Temes que saiam versos, lágrimas, casamentos,
satisfações apressadas em campos de arrabalde?
Temes os partidos, os artigos de fundo, os banqueiros, os capelistas,
a inflação, as úlceras do estômago ou sociais?
Que transportas ao colo
em silêncio e num xaile?
É a vida? Anúncios luminosos? Casas econômicas? O mar? Irmãos?
Reivindicações? Um livro?
Embalas e não respondes.
É a vida? A noite que cai? As luzes distantes? Um gesto? Um olhar?
Um quadro? Uma poesia lírica?
(Oportunamente interrompida pela chegada de uma pessoa conhecida)


retirado de http://www.astormentas.com/din/poema.asp?key=8395&titulo=Ode+ao+Surrealismo+por+Conta+Alheia

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

A Portugal

Como cortar fitas é passado e até não gosta de Jorge de Sena, aqui vai outro de cortar e agradeço a referência. Deixo no entanto aqui o endereço do verdadeiro CORTA FITAS e não do plágio


Esta é a ditosa pátria minha amada. Não.
Nem é ditosa, porque o não merece.
Nem minha amada, porque é só madrasta.
Nem pátria minha, porque eu não mereço
A pouca sorte de nascido nela.

Nada me prende ou liga a uma baixeza tanta
quanto esse arroto de passadas glórias.
Amigos meus mais caros tenho nela,
saudosamente nela, mas amigos são
por serem meus amigos, e mais nada.

Torpe dejecto de romano império;
babugem de invasões; salsugem porca
de esgoto atlântico; irrisória face
de lama, de cobiça, e de vileza,
de mesquinhez, de fatua ignorância;
terra de escravos, cu pró ar ouvindo
ranger no nevoeiro a nau do Encoberto;
terra de funcionários e de prostitutas,
devotos todos do milagre, castos
nas horas vagas de doença oculta;
terra de heróis a peso de ouro e sangue,
e santos com balcão de secos e molhados
no fundo da virtude; terra triste
à luz do sol calada, arrebicada, pulha,
cheia de afáveis para os estrangeiros
que deixam moedas e transportam pulgas,
oh pulgas lusitanas, pela Europa;
terra de monumentos em que o povo
assina a merda o seu anonimato;
terra-museu em que se vive ainda,
com porcos pela rua, em casas celtiberas;
terra de poetas tão sentimentais
que o cheiro de um sovaco os põe em transe;
terra de pedras esburgadas, secas
como esses sentimentos de oito séculos
de roubos e patrões, barões ou condes;
ó terra de ninguém, ninguém, ninguém:
eu te pertenço.
És cabra, és badalhoca,
és mais que cachorra pelo cio,
és peste e fome e guerra e dor de coração.
Eu te pertenço mas seres minha, não.

Jorge de Sena em : http://www.astormentas.com/din/poema.asp?key=1774&titulo=A+Portugal.

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

No País dos Sacanas

Que melhor para expressar o meu estado de espirito neste momento, esta bela poesia de Jorge de Sena.

Que adianta dizer-se que é um país de sacanas?
Todos os são, mesmo os melhores, às suas horas,
e todos estão contentes de se saberem sacanas.
Não há mesmo melhor do que uma sacanice
para poder funcionar fraternalmente
a humidade de próstata ou das glandulas lacrimais,
para além das rivalidades, invejas e mesquinharias
em que tanto se dividem e afinal se irmanam.

Dizer-se que é de heróis e santos o país,
a ver se se convencem e puxam para cima as calças?
Para quê, se toda a gente sabe que só asnos,
ingénuos e sacaneados é que foram disso?

Não, o melhor seria aguentar, fazendo que se ignora.
Mas claro que logo todos pensam que isto é o cúmulo da sacanice,
porque no país dos sacanas, ninguém pode entender
que a nobreza, a dignidade, a independência, a
justiça, a bondade, etc., etc., sejam
outra coisa que não patifaria de sacanas refinados
a um ponto que os mais não são capazes de atingir.

No país dos sacanas, ser sacana e meio?
Não, que toda a gente já é pelo menos dois.
Como ser-se então nesse país? Não ser-se?
Ser ou não ser, eis a questão, dir-se-ia.
Mas isso foi no teatro, e o gajo morreu na mesma.

Jorge de Sena - 1919 - 1978

Em sentido contrário

Este video é elucidativo sobre as boas maneiras de conduzir nas autoestradas

http://www.malgusto.com/videos/200711_camiones-contravia-autovia.html

e depois dizem que não há acidentes.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Mais uma etapa concluída

Hoje, foi dia de diploma de 12º Ano.
No Parque das Nações, estavam os primeiros 65 alunos que completaram o 12º ano pelo RVCC e eu estava entre eles como se vê nas fotos. O meu, chegou pelas mãos do nosso Primeiro Ministro, acompanhado do Ministro do Trabalho e Solidariedade Social e da Ministra da Cultura.



sábado, 1 de dezembro de 2007

Mário Trindade - Recorde Mundial Guinness



DATA: 3 de Dezembro de 2007 - Dia Internacional das Pessoas com Deficiência
HORA: A partir das 5 da manhã.
LOCAL: Pista de Atletismo da UTAD Universidade de Trás-os-Montes e AltoDouro em Vila Real.
DESAFIO MUNDIALO super atleta Mário Trindade quer realizar, em cadeira de rodas, mais que181.147kms em 24h.
OBJECTIVOS* Alertar para as dificuldades das pessoas com deficiência nos diversosníveis; Trabalho, Barreiras Arquitectónicas, Barreiras Sociais, Desporto,etc. * Angariar dinheiro para ajudar as irmãs Carmélia e Florinda:
Carmélia e Florinda, são duas irmãs de 35 e 31 anos de idade, moram na ilhade São Miguel, Açores, e nasceram com “Osteogenesis Imperfeita”
Vivem praticamente desde que nasceram dentro da mesma casa por falta de umtransporte para se poderem deslocar onde quer que seja.
Criaram o blog: http://manas_amigas.blogs.sapo.pt/ com o objectivo derealizarem um sonho... ter uma carrinha. Só assim se poderão deslocar paraonde é necessário.
VAMOS TODOS COLABORAR E APOIARO MÁRIO TRINDADE NESTE GRANDE DESAFIO!
No local vão estar cadeiras de rodas para os alunos das escolas e populaçãoem geral poderem experimentar. Durante todo o desafio estarão disponíveis comida e bebida graças aogeneroso apoio das diversas empresas que se associaram a este projecto.
Para mais informações contactar:Mário Trindade tel: 96 770 47 40
e-mail: go@mariotrindade.com
http://www.mariotrindade.com/

quinta-feira, 29 de novembro de 2007

Nota de imprensa do Município de Estremoz

Hoje, publicamos esta nota da CME a titulo excepcional, devido à sua importância e a estarmos solidários com todos os trabalhadores da Administração Pública, vitimas da maldades, com disse o secretário de estado.

Recolha de lixo

A Câmara Municipal de Estremoz apela à compreensão de todos os munícipes para os eventuais problemas que possam surgir na recolha de lixo, na sexta feira dia 30 de Novembro.
Este apelo surge numa perspectiva de precaução, uma vez que está marcada greve para o referido dia e, eventualmente, poderá haver funcionários do sector de recolha de lixo a aderir, comprometendo o serviço.
A limpeza da cidade é uma responsabilidade partilhada por todos, logo apela-se aos munícipes para que não depositem demasiado lixo junto dos contentores.
O Gabinete de Imprensa
imprensa@cm-estremoz.pt

quarta-feira, 21 de novembro de 2007

O Ginásio da Escola Industrial e Comercial de Estremoz

João Barbas, Irene Barbas, muitos estarão recordados destes dois nomes eram professores da Escola Industrial e Comercial de Estremoz, na disciplina de Educação Física. Quando da inauguração desta escola, tiveram a honra de ser os primeiros a utilizar um espaço completamente novo, com janelas amplas (na altura não eram perigosas), espaldares, cordas, redes de Voleibol e Badminton, tabelas de Basketball em madeira, pulimetros e respectivos acessórios em madeira, estava-me a esquecer existia um ginásio para rapazes e outro para raparigas, este, de menores dimensões e balneários. À época, serviam principalmente para criar hábitos de higiene pessoal, para "uma vida sã, em corpo são" penso que era o que estava escrito no acesso ao ginásio maior. Estes balneários, obrigavam a que os alunos pelo menos duas vezes por semana, tomassem o seu duche, poucos alunos tinham em casa chuveiros, ao contrario de hoje em dia. Tendência esta, que só se deu depois do 25 de Abril, com a feitura de muitas casas de banho no exterior de montes e residências.
Estes espaços, eram contemplados com outros dois espaços externos, com as respectivas balizas e tabelas de basketball, eram em alcatrão puro com gravilha, ao contrario do existente hoje em dia em tapete asfáltico, que ao que parece, também já não serve.
Ora bem, queria chegar a duas questões muito práticas: quando eu andei na escola, não era igual aos miúdos que lá andam hoje?
A escola, não cumpria as normas de segurança?
Em qualquer das questões, a resposta é sim.
Hoje não se joga nos campos porque são abrasivos, antes não eram?
Poderão as associações de pais, querer relvados sintácticos estão no seu direito, mas aquele espaço não é menos nem mais abrasivo, que os espaços dos poli desportivos existentes em Estremoz onde os filhos jogam à bola todos os dias.
Quanto aos dois ginásios da escola, um foi transformado em auditório, com o patrocínio do Crédito Agrícola, quer dizer que a escola, dispensava a existência desse espaço para a prática desportiva, ao que parece foi uma má aposta.
Quanto ao ginásio grande, que além da pratica desportiva se prestava a actividades como o cinema ou o teatro, ao que parece e pelo que vi em fotos de um jornal da terra está completamente degradado e isso, evitava-se se houvesse manutenção, que deve ter sido descuidada, pelo sonho de construir outro novo, destruindo as antigas instalações das Oficinas de Mecânica, Carpintaria, Olaria entre outros profissões, que deixaram de ser leccionadas numa escola que se queria virar, do ensino profissional, para uma escola liceal. Penso ter sido um erro, ter-se promovido a formação de licenciados noutras áreas, em vez de pessoal especializado nas artes e ofícios, que também poderiam chegar a licenciados em áreas tecnológicas. Esta era a verdadeira vocação, para a qual a escola foi criada nos tempos do Estado Novo. Hoje temos deficit de pessoal nas especialidades técnicas quando poderíamos dizer precisamente o contrário. Voltando ao assunto ginásio, acho bem que o ministério não tenha autorizado a destruição do património oficinas e que, se ache uma solução desta vez, para se fazer a recuperação do Ginásio, para que os nossos alunos possam ter Educação Física com qualidade e se for preciso, que recorram como no auditório (antigo ginásio das raparigas), a uma instituição bancária, para financiar a recuperação do resto do edifício e depois, até podem colocar ao lado do outro reclame um desse banco e darem o nome, da instituição ao ginásio, porque não?

terça-feira, 13 de novembro de 2007

domingo, 11 de novembro de 2007

Estremoz - Vandalismo

Este é mais um acto de cidadania praticado durante a noite em Estremoz, mas este, poderemos dizer que é perigoso e pode matar não quem praticou a acção. Uma criança, que inadevertidamente coloque a mão nos barramentos eléctricos, perfeitamente visiveis na foto 2, pode ser electocutada. Á atenção dos responsáveis.

Os ultimos resistentes de Estremoz

Ficaram dois bancos dos antigos à espera de substituição, mais que não fosse das ripas que estão partidas, olhando o corecto de cara lavada, mas, a precisar de uma reparação a sério.

sábado, 10 de novembro de 2007

domingo, 4 de novembro de 2007

Estremoz - Se a moda pega...


Quem não gosta daquela imagem, todos, pena seja que só tapou um imóvel mal conservado, era bom que a mesma solução, aparecesse em relação a outros edifícios como o que está a 10 metros e a outros, espalhados pela cidade. Penso que se a moda pega, começamos a parecer com a capital, em fim, modernices o que era necessário mesmo, era arranjar os edifícios e não tapar o sol com a peneira.
Os Comentários no SAPO
  • tuga atento disse sobre Estremoz - Se a moda pega... na Terça-feira, 6 de Novembro de 2007 às 02:48:

    QUERO PEDIR AQUI QUE AS MESMAS PESSOAS TENHAM TAMBÉM UMA QUALQUER IDEIA PARA RELANÇAR AS RUÍNAS HISTÓRICAS DE ESTREMOZ SITAS NO LARGO DO ESPÍRITO SANTO AO FIM DA RUA MAGALHÃES DE LIMA NESTE TRAJECTO DOS NOVOS INVESTIMENTOS NA EX - CIDADE BRANCA DO ALENTEJO MUITO AGRADECIDO

  • xpto disse sobre Estremoz - Se a moda pega... na Terça-feira, 6 de Novembro de 2007 às 17:59:

    Gosto da imagem, gosto da publicidade e da forma como está feita, tenho pena que não haja mais grandes marcas a investir no mesmo tipo de anúncio em Estremoz mas acho que estamos no bom caminho (afinal até há bem pouco tempo atrás não havia nenhuma).

sexta-feira, 2 de novembro de 2007

Brincar em Estremoz ?

Em circunstancias normais, não veríamos aqueles miúdos da EB 2/3 Sebastião da Gama, naquele espaço e o motivo, não seria eles não estarem ali, mas sim os contentores dos ecopontos. Em noite das bruxas começaram a arder. Deveria ser descoberto o autor ou autores da brincadeira e como tal, sofrerem as respectivas consequências. Não esquecer que hoje em dia se ensina nas escolas a ser cidadão.

quinta-feira, 1 de novembro de 2007

Recuperação de dados antiga página do Município de Estremoz


O Estremoz em debate, tem estado a recuperar os elementos que estavam contidos na antiga página do Município de Estremoz, em virtude de considerar que a mesma continha bastantes elementos pedagógicos, de elevado valor para as escolas do concelho e como este dados foram retirados, nós iremos colocar de novo no seio da WWW. todos os elementos que consideramos terem valor pedagógico.
Será sempre efectuado no texto final a referencia à origem dos dados com: " Município de Estremoz - página antiga".
Espero assim colmatar uma lacuna, que ficou com o retirar da página antiga.

segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Porque

Porque os outros se mascaram mas tu não
Porque os outros usam a virtude
Para comprar o que não tem perdão
Porque os outros têm medo mas tu não

Porque os outros são os túmulos caiados
Onde germina calada a podridão.
Porque os outros se calam mas tu não.

Porque os outros se compram e se vendem
E os seus gestos dão sempre dividendo.
Porque os outros são hábeis mas tu não.

Porque os outros vão à sombra dos abrigos
E tu vais de mãos dadas com os perigos.
Porque os outros calculam mas tu não.

Sophia de Mello Breyner

ZECA AFONSO Viva o poder popular




Não há velório nem morto
Nem círios para queimar
Quando isto der prò torto
Não te ponhas a cavar

Quando isto der prò torto
Lembra-te cá do colega
Não tenhas medo da morte
Que daqui ninguém arreda

Se a CAP é filha do facho
E o facho é filho da mãe
O MAP é filho do Portas
Do Barreto e mais alguém

Às aranhas anda o rico
Transformado em democrata
Às aranhas anda o pobre
Sem saber quem o maltrata

Às aranhas te vi hoje
Soldado, na casamata
Militares colonialistas
Entram já na tua casa

Vinho velho vinho novo
Tudo a terra pode dar
Dêm as pipas ao povo
Só ele as sabe guardar

Vem cá abaixo ó Aleixo
Vem partir o fundo ao tacho
Quanto mais lhe vejo o fundo
Mais pluralista o acho

Os barões da vida boa
Vão de manobra em manobra
Visitar as capelinhas
Vender pomada da cobra

A palavra socialismo
Como está hoje mudada
De colarinho a Texas
Sempre muito aperaltada

Sempre muito aperaltada
Fazendo o V da vitória
Para enganar o proleta
Hás-de vir comigo a glória

O Willy Brandt é macaco
O Giscard é macacão
O capital parte o coco
Só não ri a emigração

De caciques e de bufos
Mandei fazer um sacrário
Para por no travesseiro
Dum cura reaccionário

Não sei quem seja de acordo
Como vamos terminar
Vinho velho vinho novo
Viva o Poder Popular



imagem " Tócolante "


Apenas como nota de rodapé se se mudar alguns nomes está muito actual não é?

domingo, 28 de outubro de 2007

Está de regresso o JORNAL DESPORTIVO.

Na edição de hoje, destaque para:
- Declarações do vereador do desporto da CME sobre o relvado sintético;
- Declarações de José Carlos Mourão, treinador do CFE, sobre a 'limpeza de balneário;
- Resposta do presidente dos árbitros às criticas de Fernando Gonçalves, treinador de hóquei em patins do CFE;
- Crónicas de jogos da divisão de honra da AFE e de jogos de hóquei em patins;
- Torneio de rugby em S. Bento do Cortiço;
- Inicio da época 2007/2008 na natação.
- E muito mais...

sábado, 27 de outubro de 2007

As belas Portas de Évora


Recebido por Email. Aqui fica uma contribuição dada por um leitor do blog. Estamos sempre abertos a publicar, aquilo que sirva de alerta e possa contribuir, para melhorar a eficácia dos serviços públicos ou a postura dos cidadãos sobre o meio que habitam. O texto que se segue é de jogam@.........pt
"Como contribuição para o seu blog, gostava de partilhar com os Estremocenses, o estado de limpeza de uma das mais belas entradas para a cidade de Estremoz, as Portas de Évora, de noite não se nota, porque as luzes só incidem nas Postas, e claro está, ofusca tudo o que a rodeia, mas quando o sol nasce, ai a coisa muda de figura, acho que o melhor é mesmo as imagens que se seguem… que valem mais que 1000 palavras!!! Não falando do cheiro, que as fotos ainda não conseguem transmitir…"

Relógios atrasam 60 minutos esta noite


Esta noite os portugueses vão poder dormir mais uma hora, já que às 02:00 vão ter de atrasar os seus relógios 60 minutos.

PS RECEBE COMISSÃO SINDICAL



A Comissão Sindical dos Trabalhadores da Câmara Municipal de Estremoz foi recebida pela Secção do Partido Socialista. A reunião decorreu na sede do PS em Estremoz, na passada quinta-feira dia 25 de Outubro e teve como objectivo analisar as condições de trabalho na autarquia, vínculos e carreiras, relacionamento com os eleitos e projectos futuros. O encontro realizou-se em ambiente de grande cordialidade e compreensão mútua, sendo de salientar a grande convergência de posições entre a estrutura local do PS e a Comissão Sindical.
A Secção de Estremoz

Começa a 10 de Novembro


10 de Novembro (Sábado)



10.00 H - Sessão Solene de Abertura da Festa da Vinha e de Vinho, no Pavilhão de Espectáculos da Festa



10.30 H - Hastear das Bandeiras, com: * Banda Filarmónica do Centro Cultural de Borba * Sociedade Filarmónica Luzitana (Estremoz) * Banda Musical Castromarinhense (Castro Marim)



11.00 H - Desfile de Bandas Filarmónicas, pelas ruas da Vila



11.30 H – Circuito das Tascas, com a Confraria dos Enófilos do Alentejo e a Confraria Gastronómica do Alentejo, animado pela Orquestra de Percussão de Estremoz - Tocábombar – pelas Tascas da Vila



15.00 H – XIII Festival de Bandas Civis – Concerto (organização da Banda Filarmónica do Centro Cultural de Borba), no Pavilhão de Espectáculos da Festa



17.00 H - Torneio Triangular de Futebol de Veteranos, no Campo Municipal de Futebol de Borba (Organização: Grupo União Veteranos Borbenses): * Grupo União Veteranos Borbenses (Borba) * Eléctrico de Ponte de Sor (Ponte de Sor) * Clube Recreativo Barroquense (Cova da Piedade)



22.00 H – Espectáculo de Noite de Ópera, no Pavilhão de Espectáculos da Festa



11 de Novembro (Domingo)



09.00 H – Torneio de Malha (Organização: Centro de Cultura e Desporto da Matriz), no Largo da Fonte das Bicas



14.00 H – Desfile de Folclore, pelas ruas da Vila



14.30 H – Encontro de Folclore, no Pavilhão de Espectáculos da Festa * Rancho Folclórico Cravos e Rosas do Alentejo (Borba) * Rancho Folclórico do Cartaxo (Cartaxo) * Rancho Folclórico do Poceirão (Palmela)



20.30 H – Abertura da Noite de São Martinho



21.30 H – Espectáculo Musical com José Cid e a Big Band, no Pavilhão de Espectáculos da Festa



12 de Novembro (2ª Feira)



21.30 H – Encontro de Bandas de Garagem, no Pavilhão de Espectáculos da Festa * 6B (Borba) * Soversion (Elvas) * Hangover (Estremoz) * Insert Coin (Borba)




13 de Novembro (3ª Feira)



10.00H - Torneio Inter-EB1 de Futebol de 7 (Organização: Câmara Municipal de Borba e Agrupamento de Escolas do Concelho de Borba), no Pavilhão Gimnodesportivo de Borba



21.00 H - Noite de Dança, no Pavilhão de Espectáculos da Festa * Grupo Juvendance (Orada) * Grupo N’Club (Nora) * Grupo Flash Dance (Rio de Moinhos) * Grupo “Top Dance” (Barro Branco) * Grupo “Star Kids” (Borba) * Mini Multi Ritmos e Multi Ritmos da Santa Casa da Misericórdia de Borba * Danças de Salão – Grupo de Teatro Amadores de Vila Viçosa * Grupo - Estremoz



14 de Novembro (4ª Feira)



21.30 H - Espectáculo Musical “Fado de aquém e de além Tejo”, com Mário Moita e os Trovadores do Sul, no Pavilhão de Espectáculos da Festa


15 de Novembro (5ª Feira)



21.30 H – Noite Stand Up Comedy com Nilton e Serafim - no Pavilhão de Espectáculos da Festa


16 de Novembro (6ª Feira)



22.00 H - Espectáculo Musical com WOK - Ritmo Avassalador (integrado no Projecto Musical TocaRufar), no Pavilhão de Espectáculos da Festa


17 de Novembro (Sábado)



10.00 H – Torneio de Rugby, no Campo de Futebol Municipal



10.30 H – Concurso Regional do Rafeiro do Alentejo, no Largo da Fonte (Organização: ACRA – Associação de Criadores do Rafeiro do Alentejo)



14.30 H – A Carochinha apresenta Concerto no Ervilhal – Um musical mágico com a Carochinha e os seus amigos (Espectáculo para os mais novos), no Pavilhão de Espectáculos da Festa



19.00 H - Espectáculo Musical com o Grupo de Harmónicas de Ponte de Sôr, junto aos restaurantes



22.30 H - Espectáculo Musical com Blasted Mechanism, no Pavilhão de Espectáculos da Festa



18 de Novembro (Domingo)



10.30 H – Colóquio “Organização Comum do Mercado (OCM) do Vinho”, no Pavilhão de Espectáculos da Festa



11.00 H – Desfile de Fanfarras, pelas ruas da Vila * Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Borba * Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Barcarena



16.00 H - Entrega de Prémios do Concurso de Poesia Popular Alentejana, (Organização: Centro de Cultura e Desporto da Matriz - Borba), no Cine-Teatro de Borba~



17.30 H - Cerimónia de Encerramento da Festa da Vinha e do Vinho 2007, seguida de Espectáculo com Mafalda Arnauth, no Pavilhão de Espectáculos da Festa Actividades Paralelas- Animação Infantil com a Família Nody (dias 17 e 18 de Novembro)- Ciclo de Cinema – Cine-Teatro de Borba- Espaço de Animação Nocturna (muita música com os DJ’s profissionais João Rocha, Jorge Martins e Paulo Dias. (Diariamente entre as 00H e as 04H)- Decoração de Montras (Alusiva à temática da vinha e do vinho, com a colaboração dos comerciantes borbenses)- Concurso de Fotografia Digital “Passeios com Sabores”10 (Sábado) - passeio TT “à descoberta do Concelho de Borba, por declivosas serranias, amplas planuras e profundas pedreiras” - itinerário Slow Food “rota das tabernas, do vinho e do petisco”11 (Domingo) - caminhada ”por capelas, vinhedos e adegas”12-16 (2.ª-6.ª) - caminhadas: “à descoberta de Borba, seguindo o mármore”“rota das tabernas” “em redor de Borba, por olivais, vinhas e pedreiras”17 (Sábado) - encontro “Renault 4 – o jeep do povo”18 (Domingo) - encontro “Renault 4 – o jeep do povo”Passeio BTT “a rota do mármore”Contactos / Informações acerca dos Passeios com Sabores: Telef. 268889205 / Tlm. 918634269 / e-mail: ggeotrails@gmail.com / www.geotrails.pt

quinta-feira, 25 de outubro de 2007

REVISITAR A EDUCAÇÃO

Como se costuma dizer, nada melhor que rever uma pessoa amiga e quando essa pessoa está longe, mais prazer dá esse reencontro. Embora, tenha sido somente no ciberespaço, é um facto que não tinha noticias tuas há 15 ou 16 anos, é com alegria que fiquei a saber que tinhas um espaço nestas andanças e como tal, para lá vai o meu destaque.
o blogue denomina-se
REVISITAR A EDUCAÇÃO e é da minha amiga Fátima André

http://revisitaraeducacao.blogspot.com/

sábado, 13 de outubro de 2007

Manifestações

Dia 18 de Outubro, prevê-se uma grande manifestação da Administração Local, no Parque das Nações, em defesa das carreiras e liberdade sindical. Esperamos, que não volte a acontecer o que sucedeu em Coimbra e na Guarda. Já lá vão os tempos, em que podíamos observar em Lisboa, Manifestações, muito idênticas às que vimos, só faltava a saudação Romana, em que as gentes do aparelho e os jovens, marchavam ecoando as seguintes palavras, que poderiam ser muito bem empregues hoje em dia, apenas, com algumas adaptações:

  • - Quem vive?
  • - Portugal, Portugal, Portugal!
  • - Quem manda?
  • - Salazar, Salazar, Salazar!

Como as saudades até são muitas, não esquecemos que foi eleito há pouco tempo, o maior Português de sempre.

terça-feira, 9 de outubro de 2007

RESULTADOS E MANDATOS - AUTARQUICAS 2005 - ESTREMOZ

Faz 2 anos, que por esta hora, estavam apurados os seguintes resultados nas urnas :





Hoje, passados dois anos, podemos fazer um balanço se assim o entender-mos.
Ficam aqui, algumas das promessas do actual executivo no seu programa de candidatura, diga de sua justiça.
  • Criaremos condições para a instalação de empresas nas Zonas Industriais de Arcos e Estremoz.
  • Rentabilizaremos o potencial turístico, valorizando e promovendo o concelho de Estremoz como destino turístico primordial.
  • O ordenamento territorial é uma prioridade dos municípios do novo milénio. Neste âmbito a revisão participada do Plano Director Municipal (PDM) é um compromisso inequívoco que assumimos.
  • Interviremos em conjunto com o Governo de Portugal na reabilitação e qualificação dos centros urbanos em especial no Bairro de Santiago – Estremoz (Rede de águas e esgotos, arruamentos, iluminação, espaços verdes, ordenamento de trânsito).
  • Apostamos em novas políticas de habitação. Financiaremos a recuperação das áreas urbanas degradadas e a construção nos aglomerados urbanos (cidade e freguesias).
  • Realizaremos intervenções nos pavimentos dos bairros, nos aglomerados populacionais e nos caminhos rurais.
  • Criaremos condições para a construção de parques de estacionamento nas zonas históricas.
  • Asseguramos a construção da variante a Estremoz do IP2, cuja construção reivindicámos de imediato junto do Governo.
  • Dignidade, conforto e segurança são as razões que nos levam a assumir o compromisso de construir o Terminal Rodoviário.

Estremoz – Cidade Bonita

  • Tornaremos os Centros Urbanos agradáveis e com qualidade de vida, não só para os habitantes, mas também para aqueles que nos visitam.

Estremoz Concelho Verde – Água, Saneamento e Educação Ambiental

  • Reivindicaremos junto do Governo de Portugal o cumprimento de um compromisso de sempre: a construção da Barragem de Veiros.
  • Ampliaremos as redes de distribuição de água e de saneamento básico a toda a população das freguesias rurais.Tornaremos “Estremoz, Concelho Verde”.
  • Desenvolveremos acções de Educação Ambiental com parcerias locais, regionais e nacionais, orientadas para as crianças e jovens, as empresas e as pessoas em geral.
  • Participaremos em conjunto com os outros municípios, o Governo e empresários na resolução de problemas ambientais e na reutilização de lixos e desperdícios.

Estremoz e as Energias Alternativas

  • Apostaremos no projectos de aproveitamento de energias alternativas destinados aos equipamentos e viaturas municipais e no incentivo às iniciativas empresariais tendentes ao aproveitamento de energias alternativas (eólica, etc.).

segunda-feira, 8 de outubro de 2007

Uma ilha no Atlantico

Um jardim, assim se pode definir a Região Autónoma da Madeira. Uma zona de beleza ímpar no nosso País, bem cuidada, o abandono de imóveis ou degradados é escasso. Era bom, que os políticos do Continente, colocassem os olhos neste pequeno território de soberania Portuguesa e talvez, aprendessem alguma coisa. Esta ilha, num espaço de 15 anos, deu um pulo do dia para a noite, é ver as ligações rodoviárias, hoje assegurada por túneis, ligando a ilha pelo seu interior e facilitando, o mais rápido acesso, a todas as suas povoações.




A água, de bastante boa qualidade para o consumo humano, também nos encanta os olhos, em cascatas, como o véu da noiva, que foi originada pelos trabalhos de construção de um dos túneis.





No entanto, pude observar cidades piscatórias como Câmara de Lobos, de uma beleza ímpar e bem conservada. A zona de Porto Moniz, com as suas piscinas naturais, tem uma beleza ímpar, onde nos podemos deliciar, com um banho de agua salgada.












Em relação, ao Presidente do Governo Regional da Madeira, poderei dizer que superou todas as minhas expectativas, pois a ideia que os média nos colocam no continente, é bastante errada em relação a este governante, que se esmera a desenvolver uma região, para que mesma, que seja uma das mais avançadas da Europa e ai, pode ver-se o PIB da Madeira, superar o do Continente. No discurso, a que tive oportunidade de assistir, afirmo que se todos os nossos fazedores de politica a nível local, se interessassem verdadeiramente pelas regiões que administram, nós não teríamos uma Madeira desenvolvida, mas um Portugal desenvolvido. Para isso, o Governo central, teria que investir num todo e não, somente localizado em algumas situações de conjectura.
Penso, que os politicos do Continente, têm de aprender com o Dr Alberto João Jardim, como se governa uma região, ele é um exemplo a seguir. Por mim, só tenho de elogiar o trabalho deste grande politico Português.

Utilizando algumas das palavras de AJJ " Venham à Madeira, vejam, analisem e depois, decidam se se querem estabelecer. Eu não engano ninguém, nem vendo gato por lebre, como se faz por aí".

Portugueses diferentes

A presente imagem, mostra como vivemos num belo País em termos comparativos, este produto é só uma mostra da diferença. 75 cêntimos na moeda antiga, 150$00. Já para não falar nas marcas locais que se podem adquirir a 1,5 € . emfim somos Portugueses.

quarta-feira, 3 de outubro de 2007

Será mesmo um B7 - Aproximação de rotunda

Estremoz, está na linha da frente na INOVAÇÃO, mais uma vez fomos surpreendidos por um sinal, que não consta no código da estrada, pelo menos na forma como está colocado, senão vejamos:

a forma correcta é esta


no entanto, podemos ver como somos diferentes na interpretação do código da estrada, pelo menos quanto à colocação da sinalização vertical, poderemos dizer, que estamos mesmo na frente da inovação.
Ah! Ah! Ah!

terça-feira, 2 de outubro de 2007

No Alto da Praça, surge de novo a polémica


O amigo Trincheiras, voltou a atear o fogo Ecos - Terras Brancas, à volta do Nome "pasquim ", que segundo os dicionários tem o seguinte significado:

  • sátira afixada em lugar público ou posta em circulação clandestinamente;
    jornal ou folheto que difama.

A história, conta como surgiu o "Pasquim", na altura em que não havia edições escritas em papel.

Em conversas com o Director do Brados do Alentejo, muitas das vezes ouvi a expressão, " Vou-me embora, para ir fechar a edição do pasquim ".


Coloquei neste post, uma imagem de um jornal com esse nome e era, um jornal interessante. Este semanário, esteve activo até à década de 90. A última edição, de número 1.072, saiu em 11 de Novembro de 1991.


Portanto, a clandestinidade terminou e o avante, deixou de ser "pasquim". A sátira, ainda continua em jornais e revistas, logo conteúdo "pasquim". Vemos o que certos jornais, publicam em relação a "ALÁ" e que só por isso, podem ser considerados "pasquim", logo qualquer jornal tem momentos de "pasquim". Penso, que os dois jornais pela sua dimensão, deviam terminar com esta história o mais breve possível, a bem da informação local, que merece credibilização e não ser considerada, como aquilo que agora tanto discutem.

domingo, 30 de setembro de 2007

Ser ou não ser ( II )

Será! Verdade que a UI de Estremoz vai fechar?

Estou a falar da Unidade de Internameto, do Centro de Saúde de Estremoz, que ao que escutei nas conversas matinais de domingo, enquanto se fala sobre as noticias de meia duzia de jornais. Ao que parece, esta unidade irá encerrar as suas portas.

Se é assim, o que dizem as nossas autoridades locais, até agora ...

sábado, 29 de setembro de 2007

E a Ciência está na rua

Iniciou-se hoje um acontecimento único, onde a ciência e a arte se juntam, para dar vida a 7 grandes acontecimentos científicos, são eles :




  • O Julgamento de Galileu


  • Os hemisférios de Magdeburgo


  • O Pêndulo de Foucault


  • O Eureka de Arquimedes


  • As Esferas de Buffon


  • A Queda dos Corpos


  • A descoberta do ADN


Podem ser observados todos estes eventos pela cidade, no período compreendido entre as 18 e as 24 horas, de hoje dia 29 de Setembro, e no mesmo horário, amanhã, dia 30 de Setembro de 2007.



A cerimónia de abertura, foi feita pelo grupo " TOCA A RUFAR " e por alguns dos 150 participantes no evento, esta cerimónia contou com a presença do Ministro Mariano Gago, que foi recebido por um pelotão, do Regimento de Cavalaria de Estremoz.


quarta-feira, 26 de setembro de 2007

da Assembleia Municipal de Estremoz, recebemos o seguinte.

Exma. Sra.
Presidente da Assembleia Municipal
Srs. Deputados Municipais
Minhas Senhoras e Meus Senhores
Face à Declaração de Impacte Ambiental desfavorável, para a
construção do traçado da Variante a Estremoz do IP2 e
considerando a necessidade da sua construção urgente, solicito a V.
Exa., Sra. Presidente, que coloque à votação, a seguinte:
MOÇÃO
A Assembleia Municipal de Estremoz reunida na sua sessão
ordinária de 21 de Setembro de 2007, vem reiterar junto dos
órgãos competentes, a necessidade da construção urgente, da
Variante a Estremoz ao IP2 e:
1.Estranhar que, em 14 anos, não tenham sido estudados e
apresentados traçados alternativos pela promotora da obra.
2.Lamentar que o tráfego da Estrada Nacional18, continue a
passar pelo centro da cidade, junto a várias Escolas, Pavilhão e
Piscinas Municipais, Lar para Idosos, Centro de Saúde,
Urgências e Centro de Emprego, locais onde se deslocam,
diariamente, centenas, senão milhares de cidadãos.
3.Que nos traçados alternativos a apresentar, sejam reduzidos
os Impactes Negativos ao mínimo possível.
4.Reafirmar que:
a) A construção da Variante é de importância crucial,
para a Cidade, a Região e o País.
b) Os poderes públicos locais, regionais e nacionais,
têm mostrado vontade política para que a Variante
seja construída.
c) Se compreendem e aceitam as razões apresentadas
para que a decisão, do Ministério do Ambiente,
tenha sido negativa.
d) Aqueles que nos elegeram anseiam pela construção
urgente da Variante, que os estudos para a sua
construção e a sua concretização tenham carácter
prioritário.
5. Dar conhecimento do teor desta moção a: todos os
munícipes, à comunicação social local, regional e
nacional, ao Governo Civil, aos Ministérios das Obras
Públicas e do Ambiente e às Estradas de Portugal SA.
Estremoz, 21 de Setembro de 2007
O Grupo Municipal do Partido Socialista

terça-feira, 25 de setembro de 2007

sábado, 22 de setembro de 2007

Ser ou não ser

Fiquei com duvidas...







Será! Uma igreja dessas novas religiões, que por ai há?

Os Comentários

Anónimo disse...
Eu gostava de ouvir aqueles que quiseram meter mármore polido ( da região )nas suas casas e foram categóricamente impossibilitados de o fazer, e este Sr. que deve ser alguém "interessante" não basta pôr mármore polido "preto" assim como a traça do edifício não condiz com a arquitectura da região nem com a arquitectura circundante.
23 de Setembro de 2007 22:35


Anónimo disse...
Amigo Albino, parabéns pela coragem em mostrar mais um 'atentado' em Estremoz. Aquele edificio não tem nada haver com o bairro onde está inserido. Quem deu 'manteiga' a quem para aprovar aquilo. Só pode ter sido um criminoso.Força.
24 de Setembro de 2007 23:20


Anónimo disse...
Realmente mais parece um mausoléu,um jazigo,ou no mínimo uma casa mortuária!O que estará por detrás de tão sinistro gosto,ou de tão "duvidosa" autorização? Parece ser um caso de polícia.
25 de Setembro de 2007 0:38

quinta-feira, 20 de setembro de 2007

EDP - DEVOLUÇÃO DE CAUÇÕES

Já se encontra disponível, na J. F. de Santa Maria, a listagem de todos os clientes do Concelho de Estremoz, que têm dinheiro a receber, das cauções pagas à EDP. Estas listagens, podem ser consultadas até 19/03/2008.

Verifique a sua situação.

quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Cena triste

Apenas posso comentar com três palavras a nossa selecção " Arrumem as Botas", não pelo resultado, mas pela atitude, sendo Português não acreditava no que estava a ver no Alvalade XXI, o treinador da selecção Portuguesa, a agredir ou a tentar agredir um jogador da Servia, é uma atitude deplorável de quem não sabe perder, neste caso empatar. Um treinador tem de ter um ego superior ao dos jogadores e não responder, a provocações. Espero agora que a mão da FIFA, seja pesada sobre a selecção Portuguesa, que no fim se envolveu num sururu que em nada dignifica o fair play que tanto se anuncia.
Comentários
LEÃO DA ESTRELA disse...
A relva não estava famosa e a equipa portuguesa deixou de jogar e começou a pastar. Até que, no fim, os sérvios empataram. O problema, como se viu, é que a família de Scolari e o bom futebol estão desavindos. Tão desavindos que o próprio Scolari até andou à batatada com os sérvios. É certo que o relvado de Alvalade mais parece um batatal, mas daí a andar à batatada… Decididamente, essa não foi de líder. E os bancos não querem um cliente assim. Luiz Filipe Scolari arrisca-se a ter de voar para Inglaterra antes do tempo. Como fizeram os McCann.
12 de Setembro de 2007 22:39

Luís A. S. disse...
Os velhos do restelo estão de volta, já se esqueceram o que foi a seleccção dos Oliveiras com Paulas nos hoteis para brutos bacanais e casos se corrupção. Então se vos chamarem filhos da puta como reagem? Se calhar dão-lhe um beijo não! Isto foi uma estrategia dos Servios para destabilizar a selecção porque também querem ir ao europeu.Já agora façam a vontade ao Pinto da Costa e metam lá os Oliveiras outra vez!
13 de Setembro de 2007 20:10

Anónimo disse...
Bolas!!! é preciso ter paciência para aturar esta gente...a falta de fair play começou antes.É triste ver as cores do meu pais serem tão manchadas por tantos arruaceiros que não respeitam o normal desportivismo que se deve ter quando a equipa adversária atira a bola para fora para que um jogador possa ser assitido.Mesmo a perder, por culpa própria e por jogar mal, os nossos jogadores tinham a obrigação moral de respeitar a outra equipa.... era o minimo que se lhes pedia. O treinador não fez nada de novo e mostrou o que sempre pensei dele -até ao momento não mostrou nada de novo começando pelo jogo triste que fez com a Grécia...ou já se esqueceram...eu não.Pela sua atitude se coragem houvesse tinha direito a bilhete de ida para o Brasil.
13 de Setembro de 2007 22:25

Anónimo disse...
Isto só visto, enfim é o País que temos, falta fair play! Roubados e gozados uma lavagem cerebral dos comentadores de televisão e outros iguais e logo ficam com uma opinião formada. Por isso temos os políticos que merecemos. Isto é mesmo um País de bobos da corte da Europa, uma anedota completa.
13 de Setembro de 2007 23:22

Anónimo disse...
A Selecção é a imagem nua e crua da descrença que este país nos merece!- A Chama que ilumina a palavra "Pátria" está definhando á falta de pavio !E já dizia o Povo :Mula que não "come" carroça não "puxa" !
14 de Setembro de 2007 0:08

Anónimo disse...
Realmente o Scolari não devia ter "tapeado o cara" da Sérvia.No entanto tudo aconteceu!Ele já pediu desculpas ao povo português e à FPF, os principais prejudicados pela sua atitude.Justificou que esse seu acto foi uma reacção a quente a uma provocação por parte do jogador sérvio.Agora penso que se deve virar a página, apoiar o nosso seleccionador em todos os inquéritos e averiguações da UEFA e ajudá-lo a levar a nossa equipa ao Euro2008.Tem sabido levar o nome de Portugal como poucos almejaram fazê-lo. Tem defendido os nossos "homens" como poucos portugueses sabem e desejam fazê-lo e...agora vamos crucificar o homem por um acto irreflectido e já condenado pelo próprio?
15 de Setembro de 2007 6:49

Kruzes Kanhoto disse...
Por, num acto irreflectido, um puto de 19 anos ter tirado um cartão das mãos de um árbitro a FPF suspendeu-o por um ano. E, a julgar pela ausência de reacções, toda a gente achou bem.Agora um velhote com idade para ter juizo e assumir os seus erros, coisa que pese as pseudo desculpas não sabe fazer, apesar de ter agredido um jogador adversário ainda vai ser defendido pela mesma FPF!!!!!O que mais me entristece é o apoio que o Portugal parolo continua a dar à criatura e a enaltecer os seus feitos, entre os quais se incluem a extraordinária proeza de perder dois jogos com a Grécia no mesmo campeonato, levar 3-0 de várias selecções entre as quais a Polónia, essa potência futebolistica, empates com equipas fantásticas como um misto de dois clubes da capital do Koweit e, como ele próprio assume, convocar para a selecção jogadores que não estão em forma.
15 de Setembro de 2007 13:01

Anónimo disse...
As que cairam nos chão é que foi pena!Scolari merece o nosso apoio e respeito, o melhor seleccionador que já passou pela selecção. Vamos embora, os cães ladram e caravana passa quem fala é por dor de cotovelo.
15 de Setembro de 2007 21:20
Anónimo disse...

Pior imagem do que aquela os politicos tem dado do País é impossivel!Então, preocupados com o quê?
15 de Setembro de 2007 21:24

domingo, 9 de setembro de 2007

3 Anos de ...

Debate

Divulgação de Estremoz

Hoje, faz três anos que saiu o primeiro post do Estremoz em debate, estamos aqui para passar mais um e só isso pedimos, que tenhamos informação para ir dando, bem como algum tempo para dedicar ao blog. A todos os que nos visitaram o nosso obrigado, extensivo também aos muitos que participaram no debate comentando, aos que leram o blog e procuraram melhorar o que estava mal, também o nosso obrigado.
Até para o Ano nesta data
Comentários
Joaquim Trincheiras disse...
É verdade amigo Albino, só se pede mais um... Parabéns (também) ao Estremoz em debate!
9 de Setembro de 2007 15:22

AJRamos disse...
Um Abraço
9 de Setembro de 2007 17:22

Anónimo disse...
Ao "Estremoz em debate" os meus sinceros parabéns!Que tenha e sempre uma opinião crítica e construtiva acerca desta nossa cidade e daqueles que nela vivem!Um Abraço!
9 de Setembro de 2007 18:28

Lumife disse...
Que se mantenha este espaço que muito interessse tem para o Alentejo.ParabénsAbraço
10 de Setembro de 2007 14:43

quarta-feira, 5 de setembro de 2007

O PS pobre

FORAM OUTROS TEMPOS ...

Cartaz univ beira interior

Comentários

Anónimo disse...
Aponta para outro lado pá, não vês que apontar é feio e ainda por cima, estas a pedir dinheiro. É claro como a água, que o PS não precisa de pedir agora, pois sabia que ninguem lhe daria meio dia de ordenado, depois de todas as politicas antisociais que tem levado a cabo e a criação, de desemprego constante. Um cartaz destes a ser feito hoje, seria com a seguinte frase " 1/60 do seu subsidio de desemprego para o PS "totojorra
6 de Setembro de 2007 12:26


Anónimo disse...
Eram outros tempos, agora o PS é o partido dos ricos e dos vira-casacas
24 de Setembro de 2007 23:24


domingo, 2 de setembro de 2007















Foi inaugurado o sistema planetário em frente ao Pólo de Estremoz da Universidade de Évora, com palavras iniciais do Dr Rui Dias do Pólo de Estremoz, seguido do Reitor da Universidade de Évora, do Presidente da Câmara Municipal de Estremoz e finalmente do Ministro da Ciência e Tecnologia Mariano Gago, que deixou no ar às escolas do Concelho a elaboração de um modelo do sistema solar á escala, sem contemplar a escala normal de construção.


Seguidamente, partiu-se do Sol até Marte situado junto às portas de Santa Catarina, numa viagem que passou por Mercúrio, Vénus, Terra, e Marte para finalizar. Esta viagem foi efectuada por jovens em bicicleta e por meio pedonal.














Comentários
António Serrano disse...
Interessante iniciativa do Centro de Ciência Viva de Estremoz, que pode trazer outras valias para este concelho tão necessitado.Mas porque inauguraram o sistema solar incompleto?Pelo menos o Plutão ainda lá não está...
3 de Setembro de 2007 21:51

Anónimo disse...
Embora o vou dizer não penha nada a ver com o assunto achei de extrema importância o seguinte assunto.Já reparou que na antiga CP selaram as casas de banho com tijolos?Já só falta pôr um letreiro com a seguinte frase :" AQUI NÃO ! FAÇA NA MÃO"
4 de Setembro de 2007 12:34

Anónimo disse...
É verdade Agora, imagine um pobre coitado que venha de uma viagem de longo curso e que esteja aflitinho para se aliviar.Dá-lhe uma coisa má de certeza É Vergonhoso
4 de Setembro de 2007 23:23

sábado, 1 de setembro de 2007

Hoje houve

Torneio da Malha organizado pelo Núcleo de Estremoz da Liga dos Combatentes da Grande Guerra, junto à sua sede social. O evento, teve lugar na Praça Dr José Sena no espaço, onde antigamente se situava o ferro velho, espaço este recuperado em termos ambientais e paisagísticos.